O marketing de influência funciona?

marketing.de.influencia.funciona

marketing de influência é a forma mais comum de marketing que é adotada por empresas que desejam estabelecer uma marca. Todo o conceito de marketing de influência depende da inversão do funil de marketing.

O funil de marketing tradicional é mais ou menos assim:

  1. Produto/Serviço;
  2. Campanhas promocionais;
  3. Clientes.

O funil de marketing de influência, por outro lado, é assim:

  1. Influenciadores;
  2. Campanhas promocionais;
  3. Produto/Serviço.

Influenciadores são apenas clientes persuasivos que conseguem convencer outras pessoas a comprar os produtos ou serviços. Esses influenciadores são escolhidos por empresas ou marcas como parte de suas estratégias de marketing de influência. As empresas enviam seus produtos gratuitamente, para que esses influenciadores possam compartilhar suas experiências, levando a mais clientes.

Aqui estão as etapas do processo de marketing de influência:

1. Escolha os influenciadores certos para você

É importante que você encontre influenciadores que estejam no seu “espaço” e se encaixem perfeitamente na campanha de marketing de influência. Você tem o seu público-alvo e o influenciador também. Não basta escolher por nível de influência apenas, mas é preciso encontrar influenciadores cujos seguidores coincidem com as muitas verticais de seu negócio. Isso é muito importante quando se trata de aproveitar ao máximo suas estratégias de marketing de influência.

2. Conecte-se com o influenciador

Depois de identificar quem seria seu influenciador ideal, é importante conectar-se a eles. Fale com eles sobre o seu produto ou serviço e os valores que você deseja transmitir através de sua campanha de marketing de influência. A maioria dos influenciadores disponibiliza suas informações de contato em suas páginas, sites ou em suas redes sociais – portanto, entrar em contato com eles não é um problema

3. Calcular o seu orçamento de marketing de influência e faça uma oferta

Infelizmente, o marketing de influência também custa. Então, você deve reservar dinheiro de acordo com seu orçamento que você está disposto a investir num influenciador para o propósito. Muitas vezes nem se trata de dinheiro em si, mas de ceder a esse influenciador os seus produtos ou serviços de maneira gratuita, como um patrocínio.

4. Monitore continuamente o desempenho de sua estratégia de marketing de influência

Tudo isso será inútil se você não puder monitorar e fazer mudanças cruciais em suas campanhas de marketing de influência.

Uma dica: é importante entender que um alcance maior nem sempre significa grandes resultados. Os influenciadores da mídia social podem adquirir seguidores sempre que quiserem – mas nem sempre conseguem atrair a atenção deles. É a qualidade, e não a quantidade, que conta.

5. A regionalização como consequência do Marketing de influência

Depois de ter formulado sua estratégia de marketing de influência, definir metas, definir um orçamento e começar o processo de busca, torna-se cada vez mais importante migrar para um marketing de nicho e regionalização. Isso significa alcançar os influenciadores regionais ou locais do seu público-alvo, afunilando o alcance ainda mais.

O marketing de influência é extremamente útil para as empresas que buscam investir em regionalização. Ninguém conhece melhor o seu público-alvo do que ele próprio e ter um influenciador que surgiu dentro deste público e tornou-se uma referência regional é meio caminho andado.

À medida que sua marca cresce, torna-se cada vez mais importante manter a reputação da marca. Quando influenciadores aprovam seus produtos ou serviços e os usa regularmente, o público desse influenciador cria confiança, que é a primeira etapa de uma campanha de regionalização de sucesso.

Quando os clientes confiam e entram em sintonia com sua marca, eles se tornam leais à sua empresa e, posteriormente, tornam-se influenciadores de sua oferta promovendo-a ainda mais a seus amigos, parceiros de negócios e família.

Walter Ziebarth

. Walter Ziebarth